c (PR) Governo reduz ainda mais poder de compra do salário dos servidores – UJC
Home Estados Paraná (PR) Governo reduz ainda mais poder de compra do salário dos servidores
(PR) Governo reduz ainda mais poder de compra do salário dos servidores
0

(PR) Governo reduz ainda mais poder de compra do salário dos servidores

0

GOVERNO REDUZ AINDA MAIS PODER DE COMPRA DO SALÁRIO DE SERVIDORES(AS)

A luta contra o aumento da alíquota foi feita pelas entidades da categoria, mas, a medida integra a Reforma da Previdência estadual autoritária do governador Ratinho Júnior (PSD). O projeto aprovado no final de 2019, passa a ser praticado agora, em plena pandemia do coronavírus. Atenção, servidores(as) públicos(as), da ativa, aposentados(as) e pensionistas aos seus salários, que terão descontos que passa de 11% a 14%.

Para a professora Sabrina Giovanelli Carvalho, que desde 2008 atua na rede pública de educação do Paraná, é mais uma desumanidade do governo atual. “Na minha opinião, o governo não se preocupa nem um pouco com a vida e com o emocional dos professores e funcionários. No momento da alíquota de 11% para 14%, teremos uma defasagem maior do que o reajuste de 2% que foi proporcionado e que é o nosso direito, diga-se de passagem. Sem conversa nenhuma, simplesmente decide e fica posto. E os aposentados como ficam? O governo está acabando com a carreira dos educadores e desmotivando ainda mais a nossa classe”.

“O aumento do desconto atingirá todos os professores, professoras, funcionários e funcionárias que recebem mais de três salários mínimos, incluindo aposentados e aposentadas. Se houvesse um mínimo de solidariedade, o governo poderia deixar esse desconto para depois que já estivéssemos em segurança, fora do perigo da COVID 19”, finaliza a professora Vanda.

O Partido Comunista Brasileiro (PCB), a corrente sindical Unidade Classista (UC) e a União da Juventude Comunista (UJC) permanecem na luta contra o aumento da alíquota, que faz parte da Reforma da Previdência estadual autoritária do governador Ratinho Júnior (PSD).