c Nota UJC-ES sobre a Ocupação da Reitoria da UFES – UJC
Home Educação Nota UJC-ES sobre a Ocupação da Reitoria da UFES
Nota UJC-ES sobre a Ocupação da Reitoria da UFES
0

Nota UJC-ES sobre a Ocupação da Reitoria da UFES

0

No dia 04/12(sexta-feira) estudantes foram informados que os repasses da assistência estudantil e bolsas (PAD- Programa de Aprimoramento Discente) não seriam feitos por dois motivos: por já estarem em atraso e pelo Governo Federal não ter passado um indicativo de quando seriam feito os repasses, mediante essas informações, estudantes que dependem dessas bolsas para dar prosseguimento a vida acadêmica foram pegos de surpresa com o tamanho descaso da administração da UFES. Assim, alguns estudantes começaram a se mobilizar para discutir como pressionar a reitoria para que fosse garantido a permanência e sobrevivência dos/as estudantes na Universidade.

O Movimento Estudantil se mobilizou e na busca de diálogo com o Reitor da UFES, Rei
naldo Centoducatte, não obteve nenhum retorno que garantisse o pagamento, e o que houve foi uma falta de diálogo real com os/as estudantes. Com isso, os/as estudantes decidiram ocupar o prédio da reitoria da Universidade para pressionar a direção e exigir um diálogo direto.

É importante ressaltar que este descaso com os/as
estudantes é reflexo de uma política econômica de ajuste fiscal e corte de verbas aplicadas pelo Governo Federal que garante as altas taxas de lucros para o empresariado em detrimento dos direitos dos/as trabalhadores/as, e com o processo de crise financeira, coloca as contas da crise para os/as trabalhadores arcarem com a mesma. A educação pública está em total descaso e fora do planejamento da propaganda do Governo Federal que divulga uma “Pátria Educadora”, mas que na realidade corta em torno de 12 bilhões de reais para a educação federal, deixando estudantes que sonhavam com a iniciação e conclusão de um curso superior sem nenhuma garantia de permanência na universidade. Lembrando também da falta de pagamento de salários dos/as trabalhadores/as terceirizados/as que também se mobilizaram pois estão a mais 4 meses sem receber o pagamento de seus salários e precarizando ainda mais suas vidas.

A União da Juventude Comunista, constrói junto aos/as estudantes esse movimento que luta pela permanência de direitos conquistados com muita luta e que sem o pagamento das bolsas e assistências, muitos estudantes acabarão tendo que desistir da realização de seu curso.
Nesse contexto, é fundamental destacar que
especialmente os/as estudantes negros, mulheres, LGBT’s são os que mais sofrem com esses ataques e descaso devido a estrutura de exclusão da forma de ingressão pelo vestibular antes mesmo de entrarmos na universidade.

As principais reivindicações estão elencadas no documento que foi debatido e produzido pelos estudantes, compreendendo o movimento de forma democrática e horizontal, buscando criar um canal de diálogo com a reitoria para negociação das pautas, e enquanto não houver o repasse do pagamento das bolsas e auxílios iremos resistir.

Veja no link a pauta do Ocupe Reitoria UFES:

https://docs.google.com/document/d/1xcEWqrojqKq7OALKTSOYWWgumRcAlhSlMiLEuiNnGyw/edit?pli=1