c Nota em Solidariedade à Torcida da Associação Chapecoense de Futebol – UJC
Home Destaque Nota em Solidariedade à Torcida da Associação Chapecoense de Futebol
Nota em Solidariedade à Torcida da Associação Chapecoense de Futebol
0

Nota em Solidariedade à Torcida da Associação Chapecoense de Futebol

0

VIVA, CHAPECOENSE!

“É raro o torcedor que diz: ‘Meu time joga hoje’. Sempre diz: ‘Nós jogamos hoje’. Este jogador número doze sabe muito bem que é ele quem sopra os ventos de fervor que empurram a bola quando ela dorme, do mesmo jeito que os outros onze jogadores sabem que jogar sem torcida é como dançar sem música”. (Eduardo Galeano – Futebol ao sol e à sombra)

 

Por: União da Juventude Comunista Rio Grande do Sul

A juventude brasileira é apaixonada por futebol. Este dia, 29/11/2016, ficará marcado na memória desta geração. O dia que acordamos com a trágica notícia da queda do avião que levava a delegação da Chapecoense para a final da Copa Sul-Americana, em Medellín, na Colômbia.

Hoje nossos corações amanheceram apertados com esta que é uma das maiores tragédias do futebol brasileiro, fazendo-nos relembrar o que acontecera no Rio Grande do Sul em 2009, com a equipe xavante do Brasil de Pelotas.

Seria o jogo mais importante da história da Chapecoense, e milhões de brasileiras e brasileiros torceriam pela façanha de um clube considerado pequeno por não receber os investimentos milionários tão comuns ao futebol.

Nós, da União da Juventude Comunista, sabemos como o sentimento das torcidas é muito maior do que todo o jogo empresarial ao redor dos clubes, e hoje prestamos toda solidariedade à torcida da Associação Chapecoense de Futebol. A Chape foi gigante ao vencer todas as barreiras do futebol da elite e chegar até à disputa de uma final internacional, embalada por uma torcida FIEL e GUERREIRA, conquistando as torcidas de todo o Brasil.

É muito triste que este sonho tenha sido interrompido de maneira tão trágica.

Futebol… Este reino livre de lealdade humana exercida ao ar livre, como disse Gramsci. O futebol é uma de nossas válvulas de escape nesta sociedade tão afetada pela exploração do capital; depositamos nele, muitas vezes, os sonhos que não podemos alcançar nesta vida desigual… Deliramos porque é um sentimento verdadeiro. Acreditamos até o fim, quando ninguém mais acredita.

Por essas e outras, UJC compreende e partilha, totalmente, do sentimento que hoje aperta o peito dessas torcedoras e torcedores.

Força, é o que desejamos.