c CHEGA AO FIM A OCUPAÇÃO DE REITORIA MAIS LONGA DA HISTÓRIA DA UFSM – UJC
Home Sem categoria CHEGA AO FIM A OCUPAÇÃO DE REITORIA MAIS LONGA DA HISTÓRIA DA UFSM
CHEGA AO FIM A OCUPAÇÃO DE REITORIA MAIS LONGA DA HISTÓRIA DA UFSM
0

CHEGA AO FIM A OCUPAÇÃO DE REITORIA MAIS LONGA DA HISTÓRIA DA UFSM

0

A LIÇÃO É CLARA: NOSSOS DIREITOS SÓ CONQUISTAMOS COM LUTA

Nesta segunda-feira, dia 12 de setembro se encerrou a mais longa ocupação de reitoria da história da UFSM, assim como as demais ocupações que ocorreram pelo Brasil, os estudantes saíram vitoriosos!

O reitor Felipe Müller tentou por todas as formas dividir o movimento e acabar com a mobilização dos estudantes pelo cansaço, no entanto essa ocupação de reitoria teve grande respaldo na população e em pessoas influentes, como por exemplo o Procurador do Ministério Público Adede y Castro que se manifestou publicamente favorável aos estudantes. Outro fator que deve ser destacado foi o papel fundamental que os estudantes da área da saúde tiveram nesse processo, onde contamos com manifestações de mais de 500 pessoas.

A UJC participou ativamente dessa luta defendendo sempre a importância do movimento se manter unido, independentemente das divergências que existem entre os grupos, graças a essa unidade o movimento sai vitorioso após 12 dias de ocupação!

Confira a seguir as conquistas da Ocupação:

RU

– Após a greve dos técnicos administrativos, será oferecido inicialmente 100 cafés da manhã e 150 jantas para estudantes que não tem o Benefício Sócio-Econômico. As refeições deverão ser agendadas pelo Portal do Aluno, não há limite de agendamentos, dependendo da demanda o número de refeições poderá ser ampliado. Uma comissão paritária irá acompanhar e estudar situações futuras;

– Em até 10 dias será feita outra saída para a entrega de pratos, copos e talheres no RU da União Universitária, com o objetivo de diminuir as filas na saída;

Casas do Estudante e Benefício Sócio-Econômico:

– Ativação imediata do Conselho de Moradia;

– Estudo para mapear pontos cegos e  adequação de equipamento de internet nas CEUs em 30 dias;

– Comprometimento de atender a demanda para a colocação de grades nas portas dos apartamentos da CEUs 2 e 3 (após aprovação em assembleia). Comprometimento de colocar as grades em todas as portas ao longo de 2011 e 2012;

– Devolução da sala do bloco 13 da CEU 2 aos moradores;

– Abertura de licitação para construção de banheiros masculino, feminino e para pessoas com necessidades especiais na União, no primeiro semestre de 2012;

Bolsistas:

– Reajuste de 12% nas Bolsas Trabalho para o início de 2012;

– Comissão Paritária para propor uma resolução atualizada sobre as atividades dos bolsistas;

– Serão concedidas 7 bolsas para a Direção da CEU 2, mediante apresentação de um Plano de Trabalho;

CESNORS:

– Para 2011, serão destinadas 50 bolsas permanência, no valor de 300 reais;

– Após 10 dias da entrega do prédio e finda a greve dos servidores, será feito o cadastro e seleção dos estudantes para as vagas de moradia com critérios similares aos de Santa Maria;

– Reitoria e Direção do CESNORS encaminhará nota às prefeituras de Palmeira das Missões e Frederico Westphalen manifestando sobre a iluminação e constr,ução de trevo/rótula. Acesso ao RU do CAFW aos estudantes do CESNORS será melhorado;

– Licitação para iluminação interna do campus de Frederico Westphalen está em andamento;

– Será solicitado mais um ponto de xerox em Frederico Westphalen e Palmeira das Missões;

CAFW:

– 2,1 milhões de reais para obras e reformas no alojamento do CAFW, esforço para que a licitação seja feita em 2011, já que há dinheiro disponível;

– Encaminhamento de Moradia Feminina no CAFW;

Bibliotecas:

– Encaminhamento às Direções do Centro de pedidos de estudos para a ampliação do horário das Bibliotecas Setoriais;

– Avaliação, após a greve, para a possibilidade de ampliação do horário noturno e nos finais de semana da Biblioteca Central;

– Sala de acesso digital e mesas de estudos, sete dias por semana e 24 horas por dia, no espaço da Caixa Econômica Federal, junto à Biblioteca Central, imediatamente após a desocupação pela Caixa.

Pautas Gerais:

– Quanto à UBS-Escola, encaminhamento de discussão sobre junto à Area da Saúde da UFSM, com participação paritária da comunidade. Discussão após a greve;

– Garantia de não vender o Prédio da CEU 1/DCE e da Antiga Reitoria. Antiga Reitoria será gradativamente destinada a projetos comunitários e de extensão;

– Reitoria deverá encaminhar deliberações após a greve dos servidores. Ampliação da discussão seguindo o aprovado no PDI sobre reforma acadêmico-administrativo;

– Creche Ipê Amarelo está com pedido de institucionalização protocolado no MEC;

– Disponibilizar via Portal UFSM os contratos e processo licitatórios a partir de 2012;

Com organização e luta avançamos nas conquistas!

Por uma UNIVERSIDADE POPULAR!

UJC SANTA MARIA

Fonte: http://ujcsm.blogspot.com/2011/09/chega-ao-fim-ocupacao-de-reitoria-mais.html