c 70 ANOS DA VITÓRIA CONTRA O NAZI-FASCISMO: MAS A LUTA CONTINUA! – UJC
Home Internacional 70 ANOS DA VITÓRIA CONTRA O NAZI-FASCISMO: MAS A LUTA CONTINUA!
70 ANOS DA VITÓRIA CONTRA O NAZI-FASCISMO: MAS A LUTA CONTINUA!
0

70 ANOS DA VITÓRIA CONTRA O NAZI-FASCISMO: MAS A LUTA CONTINUA!

0

Há 70 anos, povos de todo o mundo, sob a liderança da União Soviética, derrotavam o nazi-fascismo, uma das formas mais cruéis de dominação burguesa e que, durante esses anos, esteve prestes a dominar o mundo se não fosse a resistência das forças populares.

Passados 70 anos desse momento crucial para a história da humanidade, não são poucas as tentativas de esconder os méritos da União Soviética e dos comunistas em todo o mundo na luta contra o fascismo, chegando muitos intelectuais e políticos a defenderem a tese de uma identidade entre o nazismo e o comunismo.

A ascensão do nazi-fascismo não é explicada através de distúrbios psicológicos de seus líderes como defendem alguns, mas sim a partir das contradições do próprio sistema capitalista em sua fase imperialista que, vendo-se diante de uma forte crise, não duvidou em apostar em saídas de extrema violência para fazer valer seus interesses.

A vitória dos povos sobre o nazi-fascismo deve-se em grande medida aos heroicos esforços praticados pelo movimento comunista internacional, visto que, em diversas ocasiões, as potências capitalistas que depois lutariam contra o nazismo também o incentivaram em seu início.

É assim que, na ocasião de comemoração dos 70 anos da vitória dos povos, a UJC rende homenagem a todas as mulheres e a todos os homens que perderam sua vida lutando contra essa forma de dominação, assim como relembra a liderança fundamental da União Soviética e de todos os comunistas que nesse processo foram fundamentais para forjar a unidade em torno da luta antifascista.

Hoje, as causas que possibilitaram o surgimento do fascismo ainda se encontram vivas. É levando em consideração o quadro de crise do capitalismo inaugurado a partir de 2008 que podemos entender o estímulo de guerra pelas potências capitalistas, o aumento de contingentes militares, a reativação de frotas na América Latina e as leis internacionais que buscam reprimir qualquer tentativa dos povos que ouse ferir os interesses do imperialismo.

É nesse quadro de acirramento das disputas interimperialistas que vemos a necessidade do fortalecimento das organizações operárias, sobretudo as comunistas, e a necessidade de um real trabalho de massa no sentido de apontar aos trabalhadores a real possibilidade da construção do socialismo.

Relembrando a grande vitória dos povos, a União da Juventude Comunistas convoca a todos para manterem-se em constante estado de alerta contra as ameaças imperialistas, assim como reforça a necessidade de combate-lo diretamente em sua raiz, que não é outra senão o sistema capitalista.

Coordenação Nacional – União da Juventude Comunista